Mundo

ONU: Especialista pede fim de sanções dos EUA à Síria para permitir reconstrução

Recentes sanções dos EUA são as maiores já aplicadas à Síria, disse relatora de direitos humanos da ONU

A especialista em direitos humanos da ONU, Alena Douhan, pediu que os EUA que suspendam sanções contra a Síria. Segundo ela, o processo dificulta a reconstrução do país destruído pelos combates entre forças da oposição e tropas do governo.

Em comunicado, Douhan afirmou que as sanções violam os direitos humanos do povo. O conflito sírio começou em 2011. “A guerra e a violência já tiveram um impacto terrível”, disse.

Douhan é relatora especial da ONU sobre o impacto negativo de medidas coercivas unilaterais sobre os direitos humanos. Casas, unidades médicas, escolas e outras instalações já sofreram danificações ou foram destruídas pelos conflitos.

A nova legislação, conhecida como Lei César, entrou em vigor em junho e contém sanções mais abrangentes dos EUA contra a Síria. Estrangeiros que auxiliam na reconstrução do país e até agentes humanitários podem ser afetados.

A especialista apontou que está preocupada com o agravamento da situação, principalmente durante a pandemia.

População

Ao anunciar as primeiras sanções, o governo americano afirmou que elas não eram contra a população. A relatora, porém, aponta que a aplicação da lei pode piorar a crise humanitária e privar o povo sírio da chance de reconstruir sua infraestrutura básica.

O mais alarmante, segundo Douhan, é a forma como as medidas atacam os direitos humanos, incluindo os direitos à moradia, saúde e um padrão de vida e desenvolvimento adequados.

“O governo dos EUA não deve criar obstáculos à reconstrução de hospitais porque a falta de assistência médica ameaça o próprio direito à vida”, pontuou.

Pelas novas sanções, o Tesouro dos Estados Unidos aponta o Banco Central da Síria sob suspeita de lavagem de dinheiro. Para a especialista, isso cria obstáculos desnecessários à ajuda externa e manejo das importações humanitárias.

“Quando as pessoas são forçadas a viver em circunstâncias degradantes e desumanas, isso pode afetar sua integridade física e mental e, em algumas circunstâncias, equivale a um tratamento cruel, desumano ou degradante”, concluiu ela. Material publicado originalmente na agência de notícias da ONU (Organização das Nações Unidas)

Banner de propaganda da agência de sites GR3 WEB

Related posts
EsportesMundo

Como funcionará o sorteio de amanhã das oitavas de final da Libertadores.

Share on Facebook Share …
Read more
Mundo

Primeiro satélite 100% brasileiro, Amazônia-1 é lançado ao espaço

Share on Facebook Share …
Read more
Mundo

O valor de um “Sim”

Share on Facebook Share …
Read more
Newsletter
Cadastre seu e-mail

Cadastre seu e-mail e receba nosso conteúdo exclusivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CleverNT: 58242 Visits Devices Code Obs Start: 2022-04-01 End: 2022-04-30 Copy the code. Paste it on the source code of your website, near the bottom, just before ex: same way you insert the google analytics script/code In case you're using banners, you also need to add the Tag: