Acidentes

O que preciso para montar uma pequena marcenaria

A marcenaria é o local onde o marceneiro atua – profissional responsável pelo segmento de movelaria, com especialização de trabalhos artesanais e artísticos com madeira.

Além disso, a marcenaria é a área, no qual os artesãos são capazes de transformar madeira em móveis ou objetos de arte.

A marcenaria evoluiu da carpintaria, setor onde o profissional atua com madeira em estado maciço ou bruto e a transforma em peças de madeira para utilização em construção.

Ademais, o marceneiro usa laminados industrializados de madeira, como: folhas de madeira, aglomerado, compensado, fórmica e MDF.

Profissionais bons na área têm dúvidas sobre o que é necessário para montar uma pequena marcenaria.

A seguir, confira como montar uma pequena marcenaria.

Plano de negócios

Plano de negócios para marcenaria

O processo inicial para montar uma pequena marcenaria envolve definir um plano de negócios, ou seja, um documento constando um planejamento completo de negócios, com os passos necessários para abri-lo.

Desse modo, no plano de negócios, precisa constar informações de finanças, comercial, marketing, logística, opções de maquininha, descrever a situação financeira e os recursos humanos necessários.

Além disso, ao fazer um plano de negócios detalhado, o consumidor tem mais chances de ter sucesso e reduz as possibilidades de fracasso.

Contudo, o plano de negócios não elimina os riscos, mas evita que erros sejam cometidos por falta de análise.

Ademais, no plano de negócios, é importante constar: o que é o negócio; quais os principais produtos e serviços; qual o público-alvo.

Por fim, também será necessário constar: qual o faturamento mensal; qual o capital a ser investido e em quanto tempo espera-se um retorno.

Tipo de atividade

Para montar uma pequena marcenaria, o profissional precisa saber qual o setor de atividade que se encaixa.

Nesse sentido, existem três categorias: serviço, onde o trabalho realizado fica a título da mão de obra física ou intelectual.

A segunda categoria envolve a indústria, no qual a atividade econômica visa transformar a matéria-prima em materiais comercializáveis.

E a terceira categoria é o comércio, onde é voltado para comércio varejista, lojistas e direcionado ao consumidor final.

Natureza Jurídica

Após encontrar o tipo de atividade, é necessário saber a natureza jurídica para montar uma pequena marcenaria.

Além disso, no momento de formalizar a empresa, será necessário informar a natureza jurídica do negócio.

Nesse sentido, existem diferentes naturezas jurídicas, contudo, às empresas são atribuídas:

Existem diversas naturezas jurídicas, mas às empresas, são atribuídas:

  • Empresário Individual (EI);
  • Sociedade Limitada (LTDA);
  • Sociedade Simples (SS); 
  • Sociedade Anônima (SA);
  • Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI).

Porte da marcenaria

É necessário escolher o porte da marcenaria, de acordo com o faturamento, para montar uma pequena marcenaria.

A Microempresa – ME é voltado ao empresário individual e sócios, onde o teto de faturamento anual é de R$ 360 mil.

Além disso, o Microempreendedor Individual – MEI é uma modalidade onde o faturamento dever ser no máximo R$ 81 mil anualmente e não permite que o parceiro participe como sócio ou titular de outra empresa.

Por último, tem a Empresa de Pequeno Porte – EPP, onde o faturamento anual fica na faixa de R$360 mil e vai até R$4,8 milhões.

Documentos 

Para montar uma pequena marcenaria, é obrigatório apresentar diferentes documentos. Nesse processo, é essencial contar com a ajuda de um contador especializado.

Desse modo, os sócios precisam apresentar os documentos: certidão de casamento se casado; 1 cópia simples do comprovante de residência, uma cópia de folha de espelho do IRPF, se tiver comprovado no ano vigente.

Como também, duas cópias autenticadas do CPF e RG de cada, e Carteira Nacional de Habilitação também é válida.

Além disso, para abertura da empresa é necessária: duas cópias simples do IPTU do imóvel; duas cópias do contrato de locação ou compra e venda; CNPJ.

Contrato Social

Para montar uma pequena marcenaria é necessário ter um contrato social – documento importante, que deve ser assinado por todos os sócios da empresa, para firmar uma sociedade.

Nesse sentido, no contrato social deve constar a participação de cada um dos sócios da empresa, seus investimentos, cotas e participação nos lucros.

Registro na Junta Comercial

O registro é caracterizado como uma certidão de nascimento da empresa e deve ser realizado antes de obter o CNPJ.

Desse modo, para montar uma pequena marcenaria é necessário ter esse registro, para que a empresa funcione de forma legalizada.

Esse registro também poderá ser realizado no Cartório de Pessoas Jurídicas do seu Estado.

Abra um CNPJ

Para abrir um CNPJ é muito simples. Após se registrar na Junta Comercial, o empreendedor receberá o NIRE – Número de Identificação do Registro de Empresa.

Desse modo, o NIRE será pedido para acessar o site da Receita Federal e realizar a abertura do CNPJ.

Após entrar no site, o usuário poderá fazer o download do Programa Básico de Entrada e depois fazer a impressão.

Por último, basta enviar a Receita Federal, pessoalmente ou por meio dos Correios.

Alvará de Funcionamento

O Alvará de Funcionamento consiste em um documento que indica se a marcenaria pode realizar suas funções no local que o empreendedor deseja instalar.

Na maioria dos estados brasileiros, o empreendedor poderá solicitar o Alvará de forma gratuita pela internet.

E o documento poderá ser emitido pelo Órgão Governamental Municipal ou Prefeitura Municipal.

Além disso, cada atividade pede um tipo de Alvará, por isso, é importante ficar atento se atividade escolhida está representada por um código CNAE das atividades protegidas.

Estrutura e equipamentos

Para montar uma pequena marcenaria será necessário ter uma estrutura e adquirir equipamentos.

Desse modo, os equipamentos incluem os móveis do escritório, equipamentos, ferramentas.

Nesse sentido, quanto às ferramentas, é possível citar: lixadeiras, serra circular portátil e de bancada; desempenadeira; jogos de ferramentas; compressor e outros.

Além disso, será preciso um veículo utilitário, de preferência uma caminhonete, pois é um veículo de grande porte.

Ademais, quanto à estrutura, o mínimo recomendado é e 70m², para que o empreendedor use o local para expor seus produtos.

Por fim, quanto ao local de produção dos móveis, é recomendado um espaço com tamanho de  300m², devido às máquinas e matéria-prima.

Banner de propaganda da agência de sites GR3 WEB

Related posts
Acidentes

Ônibus da Brasileiro pega fogo no Centro de Belmonte

Share on Facebook Share …
Read more
Acidentes

Segurança Residencial: Instale Redes nas Janelas para Proteção Efetiva

Share on Facebook Share …
Read more
Acidentes

Bahia Urgente: Grave acidente entre caminhão e ônibus deixa 24 mortos na BR-324

Share on Facebook Share …
Read more
Newsletter
Cadastre seu e-mail

Cadastre seu e-mail e receba nosso conteúdo exclusivo.

[mc4wp_form id="729"]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CleverNT: 58242 Visits Devices Code Obs Start: 2022-04-01 End: 2022-04-30 Copy the code. Paste it on the source code of your website, near the bottom, just before ex: same way you insert the google analytics script/code In case you're using banners, you also need to add the Tag: