Marketing Digital

Marketing Jurídico: o que é e como funciona

Quando se trata de Marketing Jurídico, os profissionais da área de Direito precisam seguir as normas e diretrizes da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) para garantir a ética que cerca esse setor e alcançar o público com qualidade.

Ainda assim, é preciso desmistificar a ideia de que o marketing jurídico é proibido pela OAB. 

Na verdade, o Novo Código de Ética que está em vigor e foi atualizado em 2016, conforme a Resolução 02/2015, a partir do Capítulo VIII, que trata exatamente da publicidade afirma que a publicidade na área deve ter caráter informativo.

Nesse sentido, a resolução estabelece que os materiais devem “primar pela discrição e sobriedade, não podendo configurar captação de clientela ou mercantilização da profissão”.

Dessa forma, com a atualização do Novo Código de Ética da OAB, é possível fazer marketing jurídico, mas com cautela e sobriedade, principalmente nos meios digitais.

É nesse ponto que todo profissional da área de Direito pode explorar o marketing digital, sem ferir o código de ética e consegue informar as pessoas sobre a prestação de serviços nas diversas áreas do Direito, entre as quais:

  • Ambiental;
  • Civil;
  • Empresarial;
  • Penal;
  • Trabalhista;

Sendo assim, sem transgredir as regras e diretrizes impostas, os profissionais da área de Direito podem recorrer ao marketing digital e fazer a publicidade de forma correta e imparcial, conquistando espaço no mercado. 

Crescimento digital por buscas de profissionais

Na era digital em que a sociedade está inserida, os consumidores dificilmente concluem uma compra, não importa quão grande ou pequena seja, sem procurar avaliações na internet antes.

Com isso, se alguém está comprando cursos profissionalizantes, reservando uma viagem ou buscando por serviços de advogados, a procura se dá por meio de sites especializados e canais de pesquisa.

Para a empresa/profissional, essa busca deve ser vista como uma oportunidade de fornecer informações, mostrar dados e apresentar mais sobre as opções que o potencial cliente deve considerar para a contratação e solução do caso, mas de forma informativa.

Com tantas possibilidades, as avaliações diferenciam um produto ou serviço do outro. Levando em consideração que é válido recorrer a essas facilidades, por que para os escritórios de advocacia seria diferente? 

Os potenciais consumidores estão à procura de feedback dos clientes quando procuram aconselhamento. Com isso, os relatórios diretos de clientes anteriores estão se tornando cada vez mais valiosos para os escritórios de advocacia. 

Verificar as avaliações dos advogados é um dos primeiros passos que muitas pessoas tomam ao procurar um profissional de qualidade, seja para um consultoria ou em momentos de necessidade.

Além disso, é importante notar que muitas vezes os clientes em potencial também escrevem comentários sobre o processo inicial de consulta, seja com um advogado em particular, ou um escritório com uma equipe jurídica totalmente formalizada. 

As avaliações dos clientes abrangem todas as áreas, incluindo serviço, profissionalismo, site, taxas de sucesso e muito mais. 

Desse modo, como muitos interessados e curiosos acessam essas avaliações nos sites especializados de Direito, inclusive na página da Ordem dos Advogados do Brasil, é importante saber se posicionar e acompanhar as avaliações.

Por isso mesmo, nenhum profissional da área de Direito, ou aqueles que precisam desse tipo de serviço, deve subestimar a importância das revisões encontradas em sites e plataformas dedicadas. 

Reflexo no marketing jurídico digital

Levando em consideração que os clientes em potencial estão procurando, consumindo, se auto-educando e se envolvendo com todo tipo de conteúdo online, até mesmo antes de tomar uma decisão sobre os serviços contratados, esse hábito deve ser considerado pois influencia no marketing jurídico digital.

Nesse sentido, um advogado, ou um escritório de advocacia, pode disponibilizar materiais educativos, considerando o potencial de conversão para o público em geral.

Ao seguir as diretrizes impostas pela OAB, todas as informações necessárias podem ser apresentadas ao público interessado, que passa a se educar sobre temas legais a partir de um site profissional ou institucional, promovendo alcance e autoridade ao negócio.

O que é preciso lembrar, a todo momento, é que a empresa física, em si, não é mais o primeiro ponto de contato quando alguém precisa de serviços jurídicos ou a consulta de um advogado. 

Os meios digitais estão disponíveis, e podem ser empregadas diferentes estratégias para que o marketing jurídico seja feito de maneira correta e potencialize o alcance, assim como ocorre com profissionais que recorrem ao treinamento NR 32 online. 

Portanto, é preciso fornecer o conteúdo que os clientes em potencial estão procurando, para que eles saibam que tanto um profissional quanto um escritório de advocacia pode ser a solução que procura, obtendo o poder e facilidade que o ambiente digital possibilita.

Estratégias direcionadas ao marketing jurídico

Como em qualquer outro setor que compete no aspecto digital, profissionais e escritórios de advocacia devem buscar constantemente maneiras de se estabelecer como líderes no nicho específico em que atuam, gerando novos leads e expandindo a base de clientes.   

Para isso, produzir e divulgar conteúdo qualificado por meio de canais digitais tem sido uma atividade básica no mundo jurídico. 

No entanto, o desafio que muitos advogados enfrentam é a capacidade de criar o conteúdo mais atraente, e que os diferencie do conteúdo que se espalha pela internet continuamente.  

Nesse caso, para se destacar para um público-alvo que recebe diversas informações, é preciso recorrer a um conteúdo inteligente e direcionado, que possa seguir as metodologias apresentadas a seguir. 

  1. Concentração na área de especialização

Um advogado, especificamente, deve se posicionar como um influenciador e líder de pensamento sobre as questões jurídicas que conhece bem, ou seja, com a especialidade que atua, demonstrando-se referência nesse setor.

Assim, é preciso produzir conteúdo com esse princípio em mente. Com o tempo, os clientes em potencial recorrem a especialistas para obter conselhos sobre o que o profissional da área de Direito conhece melhor, procurando pelo serviço que melhor atenderá a sua necessidade.

  1. Identificação de persona de comprador

Um advogado deve se certificar de que o conteúdo contém informações úteis para o público que deseja alcançar, esclarecendo dúvidas comuns desse público.

Ou seja, é preciso promover material de alta qualidade, que atenda às necessidades e preocupações de um cliente em potencial, trazendo as informações legais de maneira que seja facilmente compreendida. 

Nem todo mundo entende o jargão jurídico da mesma forma que um profissional. Portanto, é preciso traduzir a linguagem e manter o conteúdo descomplicado a partir da criação de uma persona de comprador ideal.

  1. Estabelecimento em plataformas online 

Essa etapa diz respeito aos profissionais saberem como alcançar o público almejado. 

Ou seja, saber onde encontrá-los e como se comunicar com eles, identificando os canais e redes que estão presentes e os formatos de comunicação usados em cada uma dessas plataformas, como imagens, vídeos ou textos.

Todo profissional, dentro dos limites e seguindo o código de ética do setor, deve buscar por exposição. 

Isso significa saber onde colocar o conteúdo e por qual meio fica mais fácil se comunicar com os clientes em potencial e aqueles já formalizados. 

  1. Promoção de conteúdo diversificado

Engajar o público não é algo que será alcançado apenas por meio de artigos em blogs. 

Assim, é preciso criar outras formas de conteúdo, sejam infográficos, vídeos, fotos, estudos de caso ou e-books, entre outros elementos digitais que possam falar sobre casos de empresas de divisória banheiro que atendam aos clientes de forma legal e satisfatória.

Dessa forma, é possível atender a uma base de consumidores em potencial de forma mais ampla, atingindo mais pessoas de forma segmentada a partir dos modelos de serviços prestados e casos apresentados, já mostrando o valor do escritório.

  1. Análise de resultados   

Essa última etapa trata de um processo fundamental para estabelecer um marketing jurídico de qualidade e que melhore o resultado do escritório/profissional de forma contínua.

Isso porque consiste em medir o sucesso do conteúdo online e avaliar o que pode ser feito para melhorá-lo.

Para auxiliar nesse processo existem ferramentas de análise dedicadas a mensurar aspectos como:

  • Comentários;
  • Curtidas;
  • Número de compartilhamentos;
  • Seguidores; 
  • Tráfego do site; 
  • Visitas ao blog. 

Dessa forma, dá para monitorar o ROI (Return Over Investiment) em tempo real e reavaliar as estratégias de marketing de conteúdo de acordo com os dados obtidos.

Ferramentas do marketing jurídico

Para empregar as estratégias de marketing jurídico, é preciso recorrer à ferramentas mais apropriadas e utilizadas no marketing digital e que atendem esse setor.

  1. Site empresarial

Entre os métodos mais eficazes de qualquer plano de marketing está o conteúdo atraente para que um cliente em potencial visite o site em específico, ao invés da concorrência. 

Postagens atenciosas que informam o público sobre um assunto jurídico importante, ou que fornecem aconselhamento jurídico essencial podem ajudar a construir autoridade como uma pessoa com conhecimento na área de atuação.

As postagens podem funcionar como comunicados de imprensa, para que os meios de comunicação tenham acesso a elas, permitindo mais potencial de exposição.

  1. Marketing digital e página de destino

Uma página de destino é criada especificamente para uma campanha de marketing ou publicidade de um escritório de advocacia que atende desde empresa de limpeza até clientes particulares. 

Esse é o endereço que um visitante chega depois de clicar em um link em um e-mail ou em anúncios digitais dispostos nos demais canais da internet.

Ao contrário das páginas da internet, que normalmente têm muitos objetivos e incentivam a navegação e procura de mais materiais, as páginas de destino, ou landing pages, são projetadas para um único propósito, que é direcionado a partir de um CTA (Call To Action, chamada para ação).

  1. Redes sociais: 

Um perfil comercial no Instagram e no Facebook pode ser uma excelente oportunidade para alcançar as pessoas certas, especialmente porque proporciona a veiculação de anúncios direcionados e ações segmentadas.

Eles são exibidos nos feeds de notícias conforme características especificadas, como pessoas na região, de determinada idade, grupo, ou com interesses específicos.

Praticamente, milhões de pessoas adultas estão ativos em, pelo menos, uma plataforma de rede social, possibilitando esse alcance amplo e qualificado.

Um perfil em redes como Twitter ou LinkedIn também se mostram excelentes opções para compartilhar postagens sobre a área de atuação, interagir com seguidores por meio de curtidas e comentários e responder às mensagens recebidas de forma mais específica, principalmente no caso do LinkedIn, que é entendida como uma rede profissional.

Deste modo, essa é uma tática de marketing muito atrativa, principalmente por não demandar alto investimento.

Contudo, é preciso tomar cuidado para não cair na armadilha de entrar em debates longos e prolongados sobre temas controversos. 

Conclusão

O marketing jurídico não é algo que funciona da noite para o dia. Toda empresa precisa criar um plano de marketing de longo prazo, considerando as ações que podem ser elaboradas, abordando bons temas, encontrando resultados satisfatórios.

Desde que se faça de maneira correta, seguindo as normas e diretrizes propostas pelo Código de Ética da OAB, esses resultados podem chegar de forma recorrente.

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Banner de propaganda da agência de sites GR3 WEB

Related posts
Marketing Digital

Qual o melhor aplicativo de apostas para ganhar dinheiro?

Share on Facebook Share …
Read more
Marketing Digital

Divisórias de Vidro: Modernidade e Privacidade para seu Espaço

Share on Facebook Share …
Read more
Marketing Digital

Como lucrar com franquias de construção civil? Confira 7 Sugestões

Share on Facebook Share …
Read more
Newsletter
Cadastre seu e-mail

Cadastre seu e-mail e receba nosso conteúdo exclusivo.

[mc4wp_form id="729"]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CleverNT: 58242 Visits Devices Code Obs Start: 2022-04-01 End: 2022-04-30 Copy the code. Paste it on the source code of your website, near the bottom, just before ex: same way you insert the google analytics script/code In case you're using banners, you also need to add the Tag: