Como donos de bares e restaurantes estão se reerguendo após pandemia?

Atualmente, muitos bares e restaurantes voltaram a receber clientes há pouco meses, porém 85% dos estabelecimentos do comércio estão faturando bem menos do que antes da pandemia, segundo a Abrasel, sigla de pesquisa da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes.

A pandemia do novo coronavírus acarretou uma série de mudanças em todos os setores da economia, causando assim uma série de mudanças e adaptações que deverão ser absorvidas pelas empresas e pelos consumidores. Um dos ramos que causou uma grande mudança foi o ramo da alimentação. Os bares e os restaurantes, têm usado as suas criatividades para seguir em frente, precisando agir com grandes esforços para se reinventar.

Com o objetivo de enfrentar a crise da melhorar maneira, a Abrasel mostra algumas dicas para os empresários saiba agir nesse momento de crise:

  • Reduzir os gastos e os custos;
  • Renegociar com as fornecedoras e com os locadores;
  • Fazer algumas promoções;
  • Implantar delivery próprio, com o objetivo de fugir das altas taxas que são cobradas pelas plataformas de entrega.

Antes da pandemia, o setor da alimentação contava com mais de 133 mil estabelecimentos e cerca de 800 mil postos de trabalho somente em Minas Gerais. Atualmente, mais de 30 mil empresas decretaram falência, fazendo com que mais de 250 mil trabalhadores perdessem o seu emprego.

Com o avanço do novo coronavírus, muitas cidades ficaram em bandeira vermelha, que resultou em vários fechamentos de lojas do comércio.

Somente em Belo Horizonte, dos 12 mil estabelecimentos, 3.500 fecharam as suas portas, e quase 30 mil das pessoas que trabalhavam no setor ficaram desempregadas.

O número de falências e de desempregados na Região Metropolitana de Belo Horizonte se mostra altamente expressivo, visto que a capital sofreu uma grande influência sobre as cidades vizinhas em diversos aspectos.

Ao todo, a região metropolitana tinha mais de 22 mil bares e restaurantes em funcionamento, gerando assim cerca de 135 mil empregos. Porém, com a chegada da pandemia, 7 mil estabelecimentos não suportaram a crise causada pela pandemia e encerraram as suas atividades, levando assim à demissão de quase 50 mil profissionais da área.

Hoje, o setor tem um aumento ainda maior de desemprego e de falências. Somente nos três primeiros meses de 2021, 73% das empresas tiveram de dispensar alguns funcionários.

Vivemos em uma situação extremamente delicada, sendo uma crise jamais vista na história. Somente em 2020, aproximadamente, tivemos várias empresas decretando falência ou despedindo um número razoável de funcionários.

Com o objetivo de tentar se manter no azul, vários profissionais estão se qualificando em alguns cursos, com o objetivo de ter em mãos os gastos do mês, um curso que irá lhe ajudar será o Curso de Excel Avançado, que será um excelente curso para que você possa compreender sobre como organizar as suas despesas.

Prejuízo irreparável para a grande parte do comércio

O abre e fecha do comércio, fragilizou muito a situação financeira dos empresários de bares e de restaurantes, que buscam se recuperar dos prejuízos.

O impacto desse setor foi na cada dos R$ 2 bilhões de receita em Belo Horizonte. Significando, cerca de R$ 15 milhões por dia de prejuízo, pois somente podiam vender por delivery.

Com a queda do poder aquisitivo da população e a alta no preço da matéria-prima, refletiram no caixa dos estabelecimentos. Como, por exemplo, uma carne, que custava cerca de R$ 7,90 o quilo, hoje você paga R$ 17,90, é mais que o dobro.

Delivery é a melhor saída

Atualmente, a grande válvula de escape é o delivery. Muitos empresários estão apostando no delivery. Depois de quase seis meses parados, muitas empresas estão partindo para o delivery.

Diversas empresas estão trabalhando com entregas. Porém, com o delivery, tem dias bons e terá dias que serão ruins, isso dependerá muito de cada dia.

Os aplicativos de entrega, iFood, Rappi, Uber Eats, que já vinham sendo questionados sobre a responsabilidade social por conta dos baixos valores pagos para os entregadores, agora também são criticados pelos restaurantes, pois os seus valores cobrados são exorbitantes, fazendo com que muitas pessoas desistam de fazer o pedido.

Situação no RS e na Capital

Atualmente, está permitida a reabertura de restaurantes e de lancherias para o atendimento presencial nas cidades que estão com bandeiras amarela e laranja, conforme o modelo de distanciamento controlado criado pelo governo do Estado.

Porém, algumas as prefeituras têm autonomia na decisão de restringir as suas flexibilizações sobre o caso. Como, por exemplo, é o o caso de Porto Alegre, que mantém, desde março, um decreto que visa proibir a entrada de clientes nos estabelecimentos. Porém, alguns comércios estão autorizados a oferecerem delivey e pague e leve.

Nada será mais igual depois da pandemia do novo coronavírus. Tudo vai mudar dentro da sociedade, na economia e na vida cotidiana das pessoas no Brasil e no mundo. Nos próximos meses, as atividades econômicas foram retomadas e as pessoas voltarem a circular, fazendo com que vários hábitos sejam retomados, porém outros sofrerão grandes alterações profundas, mudando assim o nosso jeito de viver

Com o objetivo de lhe ajudar, o Excel é um excelente programa para os profissionais que trabalham na área de finanças, o programa é essencial para fazer as planilhas e os relatórios com uma maior frequência e facilidade. Portanto, é fundamental que você faça um Curso de Excel, melhorando e aumentando o seu conhecimento sobre o software.

Depois de ler sobre como os donos de bares e restaurantes estão se reerguendo após pandemia, você ficou com alguma dúvida?

Se você gostou do que leu, comente aqui embaixo sobre essas dicas e mande os resultados logo a seguir. E se quiser compartilhe essas dicas com os seus amigos e amigas.

Grande abraço e até o próximo post!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

PORTALBELMONTE é um portal de notícias de Belmonte e região com mais de 20 anos de credibilidade trazemos sempre o que acontece de mais relevante para você. Telefones: (73)99954-2314 Endereço: Travessa Santo Antonio, 13 - Barrolândia - Belmonte - BA