Marketing Digital

Saiba como escolher as cores para os ambientes da sua casa!

Quem quer fazer alguma mudança em casa, além de comprar diferentes objetos decorativos e trocar os móveis de lugar, tem como opção pintar uma ou mais paredes ao invés de fazer reformas muito extensas.

As cores trazem personalidade aos ambientes e enriquecem qualquer estilo de decoração. Elas desencadeiam sensações, e podem criar uma atmosfera de tranquilidade, conforto, sofisticação, dentre outras que você quiser.

Os diferentes tons criam efeitos inteligentes, inclusive se o local for mais escuro. Nesse caso, é possível acrescentar um pouco de luz natural, ou então investir em cores que trazem sensação de amplitude em espaços menores.

Assim um cômodo pode ter mais profundidade, e tudo o que você precisa fazer é saber quais opções usar para essa finalidade. Existem cores para todo tipo de móvel, sendo possível criar misturas que trazem novas caras aos elementos da decoração.

Só que antes de comprar uma lata de tinta e começar a pintar, é necessário conhecer um pouco mais sobre o local, de que forma as paredes serão pintadas, dentre outras questões pertinentes.

Para entender um pouco mais sobre o assunto, neste artigo, vamos explicar como escolher as cores de cada ambiente, além de dar algumas dicas importantes para fazer essa escolha. Confira!

Como fazer a seleção das cores de cada ambiente?

No momento da escolha da cor ideal para um projeto, é fundamental olhar para o todo, atentando-se para não contrastar as cores da mobília com as das paredes.

O ideal de um ambiente bem decorado é que seus elementos se complementem e não se contrapõem. Por exemplo, quem pinta as paredes de branco tem mais liberdade para usar móveis coloridos.

Por outro lado, projetos arquitetônicos com paredes coloridas, principalmente em tons mais fortes, precisam de móveis em cores neutras.

Em linhas gerais, é necessário encaixar o desejo e o estilo do morador com as possibilidades existentes para o imóvel dele.

Outra dica importante é visualizar as cores antes de pintar, e a tecnologia colabora muito para ter essa visualização. Há aplicativos que criam simulações com diferentes cores, e você pode analisar todas elas antes de comprar.

Para usá-los, tire uma foto do cômodo que deseja pintar e siga as instruções do aplicativo. Além disso, existem recursos que te auxiliam a encontrar o nome de uma cor que você gostou.

Por exemplo, ao visualizar uma parede da cor que você quer, tire uma fotografia e inclua a imagem no aplicativo, e ele vai te mostrar as possíveis possibilidades.

Quem gosta de acompanhar as tendências precisa se atentar às cores da moda antes de providenciar qualquer mudança.

Atualmente, as cores mais usadas nos projeto de interiores são o cinza, o azul acinzentado e o marsala. Esses tons podem ser usados em vários cômodos, como:

  • Sala;
  • Cozinha;
  • Banheiro;
  • Quarto.

Outra tendência é misturar as cores, como o verde com o branco, quebrar a neutralidade do cinza com tons mais coloridos, como o vermelho ou usar o amarelo em uma parede da sala.

Em bibliotecas e escritórios, o verde escuro está bastante presente e os dormitórios podem ser personalizados, conforme os gostos do morador.

Muitas empresas, principalmente prédios com salas coworking, estão optando pelo preto, mas ele deixa o local mais moderno e despojado.

O cinza traz mais liberdade, por isso pode ser usado em qualquer ambiente do imóvel, e o azul é um tom muito recomendado para o quarto, uma vez que transmite sensação de tranquilidade.

Casais que estão esperando o bebê podem fugir um pouco da tradição rosa ou azul e investir em tons neutros, como o amarelo e o verde claro.

O preto na sala de TV pode transformar o local em um verdadeiro cinema particular, mas lembre-se de que tons escuros são recomendados apenas para espaços maiores.

Se você quiser destacar um objeto de decoração ou um quadro, pode usar um tom de verde na parede onde vai expor o item.

As salas privativas, hall de entrada, parede da escada, dentre outros locais também podem receber cores especiais, é só usar a criatividade e ter bom senso na hora de escolher.

Dicas para fazer escolhas assertivas

A cor da parede pode ser o ponto de partida ou a última escolha dentro de um projeto de decoração. De qualquer forma, a pintura compõe a atmosfera do imóvel.

Para alguns, trata-se apenas de um mero acabamento ou de um detalhe, mas na verdade, os tons vão impactar diretamente na sensação dos moradores em cada ambiente.

Uma escolha errada pode trazer mal-estar e até mesmo desequilibrar a energia do local. Imagine, por exemplo, pintar um pequeno escritório de preto. Dificilmente, o morador vai conseguir se concentrar em seu trabalho e estudos.

Isso porque a cor afeta a nossa mente e o nosso corpo, e muito além das cores, de texturas e estampas também podem influenciar. Antes de escolher uma tinta para quarto ou qualquer outro cômodo, leia as seguintes dicas:

1 – Consultar um especialista

É natural ter algumas dúvidas na hora de escolher, tendo em vista que as possibilidades são muitas e existem diferentes cores disponíveis no mercado.

Às vezes temos uma ideia em mente, mas quando chegamos à loja começam as indecisões, afinal, os mostruários são bonitos e inspiradores.

Se isso acontecer com você, converse com um arquiteto ou designer de interiores, pois esses profissionais são especialistas no assunto e podem acabar com as suas dúvidas.

2 – Pesquisar por inspirações

A internet é uma excelente fonte de inspiração para quem quer fazer mudanças, mas não tem ideia de por onde começar. Outra possibilidade é visitar imóveis para aprender um pouco mais sobre as tendências e combinações que te agradam.

Até mesmo a casa de um amigo ou parente que tem uma persiana romana branca na sala pode te ajudar a ter boas ideias.

3 – Definir o local da pintura

É possível pintar o cômodo todo ou apenas uma parede, e se você pretende seguir por esse segundo caminho, saiba que essa opção é muito mais segura.

Isso porque a transformação não é tão radical, cara ou trabalhosa, mas ainda assim, vai fazer toda a diferença na decoração do cômodo.

4 – Simular pinturas

Como falamos acima, existem vários aplicativos que ajudam a simular a pintura do ambiente, e eles são oferecidos por diferentes fabricantes de tintas.

Você pode testar quantas cores quiser e encontrar aquela que mais te agrada, sem arriscar a pintura antes de saber se realmente gosta da mudança.

5 – Cuidar do acabamento

Existem muitas opções no mercado, e além de diferentes cores, é possível encontrar texturas e acabamentos variados.

Estude todos eles para encontrar a opção mais compatível com o local e outros aspectos, como a iluminação de apartamentos, evitando que o cômodo fique muito escuro ou muito claro.

6 – Usar o círculo cromático

O círculo cromático é um recurso que ajuda a identificar a melhor opção de cores, bem como suas combinações. Existem várias versões, sendo a mais simples composta por 12 cores, sendo 3 primárias, 3 secundárias e 6 terciárias.

É uma ferramenta que te ajuda a identificar cores que se complementam, mais conhecidas como cores opostas no círculo. Também existem as análogas, que são tons lado a lado, além de outras combinações.

Existem aplicativos de círculo cromático gratuitos e que com certeza vão te ajudar a escolher a cor certa. Depois, você só vai precisar se preocupar com os produtos para limpar piso e remover pingos de tinta que caíram acidentalmente.

7 – Conferir a iluminação

As cores influenciam na iluminação do ambiente. As lâmpadas brancas, por exemplo, clareiam os tons, ao passo que as lâmpadas amarelas intensificam as cores.

Lâmpadas coloridas, por sua vez, podem mudar totalmente a cor da parede quando estiverem acesas. Nesse sentido, procure conferir a iluminação do seu imóvel antes de comprar a tinta.

8 – Adequar as cores aos ambientes

Tenha atenção na hora de escolher as cores para os cômodos. Por exemplo, pintar uma parede do quarto de vermelho pode influenciar na qualidade do sono, uma vez que cores quentes são estimulantes.

Por outro lado, cores frias como o branco ou o azul claro ajudam a descansar, então se você não quer abrir mão de um tom, converse com um especialista antes de tomar uma decisão definitiva.

9 – Usar as cores preferidas

Para personalizar seu projeto, considere suas cores preferidas antes de visualizar outras opções. Dessa forma, você vai se sentir muito melhor e mais disposto até mesmo para a limpeza pós obra.

Considerações finais

Pintar a casa pode mudar radicalmente a aparência de todos os ambientes, por isso, esteja sempre atento aos tons e aos efeitos que eles provocam.

Seguindo nossas dicas, vai ficar muito mais fácil escolher as cores ideais para o seu projeto, tornar o seu lar muito mais aconchegante e ter a certeza de que as opções são assertivas.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Banner de propaganda da agência de sites GR3 WEB

About author

Articles

PORTALBELMONTE é um portal de notícias de Belmonte e região com mais de 20 anos de credibilidade trazemos sempre o que acontece de mais relevante para você. Telefones: (73)99954-2314 Endereço: Travessa Santo Antonio, 13 - Barrolândia - Belmonte - BA
Related posts
Marketing Digital

Dicas para abrir um escritório de advocacia com sucesso

Share on Facebook Share …
Read more
Marketing Digital

Habeas Corpus: entenda como funciona

Share on Facebook Share …
Read more
Marketing Digital

Quais as melhores cores para pintar a casa?

Share on Facebook Share …
Read more
Newsletter
Cadastre seu e-mail

Cadastre seu e-mail e receba nosso conteúdo exclusivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CleverNT: 58242 Visits Devices Code Obs Start: 2022-04-01 End: 2022-04-30 Copy the code. Paste it on the source code of your website, near the bottom, just before ex: same way you insert the google analytics script/code In case you're using banners, you also need to add the Tag: