Marketing Digital

Por que e como armazenar os alimentos corretamente?

Seja para restaurantes, mercados e outros ambientes comerciais ou para o espaço doméstico, saber como armazenar os alimentos é fundamental. 

Conhecer a forma certa de guardar frutas, cereais e carnes aumenta consideravelmente a durabilidade e reduz o desperdício. 

Em casa é possível perceber quando uma fruta estraga mais rápido, quando os grãos perdem a consistência ou até alteram seu gosto. Na grande maioria dos casos isso se dá por erros na hora de armazenar esses produtos. 

Para restaurantes, é preciso estar atento à manutenção de câmara frigorífica, o degelo de carnes e outros insumos pode gerar prejuízos e riscos sanitários. 

A atenção ao congelador e à geladeira deve ser redobrada porque é lá que estão os alimentos mais sensíveis. 

Hoje em dia é mais fácil comprar alimentos sem sair de casa, essa economia de tempo faz com que o entregador com uniforme para supermercado deixe as entregas na porta da sua casa e seu único trabalho será armazenar corretamente. 

Além de colocar os ingredientes no local certo com temperatura ideal, é preciso verificar a higiene, ambientes precários nesse ponto sofrem com a proliferação de microorganismos que contaminam os alimentos. 

Um dos maiores riscos do armazenamento incorreto é a possibilidade de contaminação cruzada. Essa contaminação não significa necessariamente que ambos os produtos estão impróprios para uso, mas que eles tiveram contato com elementos de outra natureza. 

Com a tecnologia em franca evolução, já existem geladeiras que controlam o estoque e em breve podemos ver até um braço robótico industria para organizar. Mas, enquanto isso não aparece, é preciso saber como deixar a geladeira em ordem. 

Como organizar a geladeira?

Apesar de com o passar do tempo, cada pessoa conseguir achar um jeito que mais lhe agrada para se organizar, é necessário manter algumas ressalvas.

Os donos de casa sabem que uma olhada na geladeira pode ser tão invasiva quando um exame de imagem da garganta, mas cuidar do armazenamento dos alimentos nela é essencial para evitar desperdícios e riscos à saúde. 

É  importante cuidar para que os aparelhos mantenham a temperatura correta sem grandes variações. Para a geladeira é ideal que a temperatura seja de 7°C, enquanto os congeladores a temperatura máxima deve ser 15°C negativos. 

Restaurantes costumam receber insumos via serviço de entrega com Fiorino, quando esses ingredientes chegam em grande volume, deve-se porciona-los para que o congelamento seja mais eficiente e aumente a durabilidade do alimento. 

Depois que um alimento for guardado no congelador, não é recomendado que se descongele mais de uma vez, por isso, é importante congelar só quando necessário e com as porções separadas. 

O excesso de gelo no congelador é sinal de que o aparelho está tendo variações na temperatura, o que também pode deteriorar os alimentos congelados, a mesma questão pode ocorrer na geladeira e percebemos quando os vidros ficam embaçados.  

Todo mundo já viu um pote dentro da geladeira e não conseguiu lembrar a quanto tempo ele estava ali, para uma organização nota dez é importante controlar a validade dos produtos abertos e fechados.

Além de etiquetas do tipo de envelope papel kraft personalizado pode ajudar no controle das datas.  

A validade do produto depois de aberto vai depender muito da sua origem, mas para não errar, consideramos a data da embalagem dividida pela metade. Um pote de requeijão tem validade de até seis meses, a partir de aberto, o ideal é consumir em três meses. 

A melhor forma de organizar os alimentos armazenados é simples, mas leva em conta algumas questões:

  • Altura da prateleira; 
  • Origem do alimento;
  • Alimento já preparado ou ingrediente; 
  • Frequência de uso;
  • Data de armazenagem. 

Ao falar de geladeiras, a primeira questão é a organização das prateleiras. A altura de cada uma atende a níveis diferentes de refrigeração e podem ser organizadas de acordo com isso. 

Nas seções mais altas do refrigerador, a temperatura tende a ser mais estável, por isso que em ambientes médicos como uma clínica veterinária de urgência os medicamentos são armazenados preferencialmente nas primeiras prateleiras. 

Em casa, as prateleiras superiores devem guardar laticínios e derivados do leite, embutidos e ovos. Esses são os alimentos mais sensíveis à variações de temperatura. 

Mas, e as formas para ovos na porta? Por mais que pareça certo, não se indica que os ovos sejam colocados na porta, isso porque eles são frágeis e podem fazer um grande estrago na limpeza da geladeira em caso de queda ou impactos. 

As seções centrais podem ser separadas para alimentos que já foram manipulados, em caso de alimentos cozidos, eles devem ser guardados em temperatura ambiente e em potes próprios para o resfriamento.

Na prateleira inferior o ideal é colocar alimentos de uso rápido, que precisam de menos refrigeração ou que vão ser descongelados.

Nas gavetas são colocados os produtos que precisam estar frescos como verduras, legumes e frutas. Para aumentar a organização é possível encontrar caixas que melhoram essa questão. 

Por fim, a porta da geladeira é onde podemos separar latas e garrafas além de potes de conservas, molhos e geléias. 

Quais alimentos são armazenados nas geladeiras? 

Já vimos que a organização da geladeira é bem mais simples que a configuração de endereço virtual para autônomo, por exemplo. 

No entanto, não é sempre que se sabe o que deve ser guardado nela ou não. O senso comum pode até acertar bastante, mas é preciso ficar atento a alguns detalhes. 

A manteiga e outros derivados do leite devem ser armazenados na geladeira, mantê-los em temperaturas baixas para que eles mantenham a integridade ao longo de todo o prazo estabelecido pelo fabricante. 

Queijos e o próprio leite obedecem a mesma regra, para ambos também vale atentar que as embalagens devem sempre ser bem fechadas a fim de evitar a proliferação de microorganismos e a contaminação desses ingredientes. 

Que os frios devem ser armazenados na geladeira parece bem óbvio, mas o que é menos previsível é como armazená-los. 

Em especial, os embutidos devem ser guardados em potes individuais bem lacrados, acompanhados de sua data de validade. 

Os legumes e verduras ganham maior durabilidade quando conservados em temperaturas um pouco mais altas, por isso, ficam na parte inferior da geladeira. Temperaturas baixas desgastam folhas diminuindo a vida útil e a qualidade dos insumos. 

O ideal é que todos os alimentos in natura sejam lavados em água corrente antes de serem armazenados, isso vai aumentar a durabilidade e evitar que a sua geladeira seja contaminada. Essa dica vale para frutas, legumes, ovos e hortaliças.

Uma questão que gera dúvidas é por que alguns alimentos são encontrados fora de refrigeradores no mercado e quando chegamos em casa ele deve ir para a geladeira. 

Isso acontece com molhos e geléias e a explicação tem a ver com a abertura das embalagens. 

Em grande parte esses sãos os produtos que vem lacrados, assim mesmo fora da geladeira, não corre risco de contaminação. Depois de deslacrados, eles estão em contato com o ar e mais propensos a presença de bactérias. 

Considerações finais

Sendo assim, quando compramos alimentos confiando no trabalho de produção e armazenamento correto, precisamos também conservá-los corretamente quando chegamos em casa. 

A questão é que nem sempre se sabe exatamente como e por que armazenar corretamente. 

Conservar corretamente cada alimento é sobretudo um investimento em saúde,uma vez que isso evita a ingestão de alimentos vencidos, deteriorados ou contaminados. Além disso é um ato que gera economia, aproveitando mais de cada ida ao supermercado. 

Organizar a dispensa ou a geladeira só tem benefícios, com o estoque em ordem temos uma melhor visualização do que temos, da validade de cada insumo e valoriza a higiene em um espaço onde isso é tão importante, a cozinha.  

É importante estar sempre atento ao gradiente de temperatura dentro da geladeira e as suas variações, alguns alimentos precisam de baixas temperaturas e outras podem estar na região inferior do refrigerador se aproveitando do ar refrigerado para se manter frescos.

Podemos também nos atentar ao tempo que os alimentos podem ser guardados em embalagens fechadas e em potes ou pacotes abertos. 

Criar o hábito de marcar as datas de validade e checar a integridade dos recipientes evita o apodrecimento de alimentos antes do prazo e a contaminação da geladeira com odores desagradáveis. 

Com esse conhecimento em mãos, é possível perceber antigos hábitos comuns, mas completamente equivocados como guardar ovos sem a devida higienização na porta da geladeira.

Além de conservar comidas prontas dentro de panelas são algumas das “manias” que podem ser esquecidas.  

Essas dicas devem ser seguidas à risca e são importantes principalmente para garantir a qualidade do alimento armazenado. 

Muitas vezes, mesmo que pareça estar em boas condições, os alimentos podem ser contaminados por organismos bacteriológicos invisíveis ao olhar humano e nocivos ao nosso organismo. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Banner de propaganda da agência de sites GR3 WEB

About author

Articles

PORTALBELMONTE é um portal de notícias de Belmonte e região com mais de 20 anos de credibilidade trazemos sempre o que acontece de mais relevante para você. Telefones: (73)99954-2314 Endereço: Travessa Santo Antonio, 13 - Barrolândia - Belmonte - BA
Related posts
Marketing Digital

Benefícios dos móveis planejados

Share on Facebook Share …
Read more
Marketing Digital

Vendendo na Amazon: 3 dicas importantes para a negociação

Share on Facebook Share …
Read more
Marketing Digital

Quais os melhores pisos para banheiro?

Share on Facebook Share …
Read more
Newsletter
Cadastre seu e-mail

Cadastre seu e-mail e receba nosso conteúdo exclusivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CleverNT: 58242 Visits Devices Code Obs Start: 2022-04-01 End: 2022-04-30 Copy the code. Paste it on the source code of your website, near the bottom, just before ex: same way you insert the google analytics script/code In case you're using banners, you also need to add the Tag: