Polícia
Publicada em 03 de Fevereiro de 2018 ás 18:06:48

Vídeo: criança corre atrás de carro da mãe e chora, no PR

Divulgação/Polícia Civil
Imagem mostra a criança correndo atrás do carro da mãe
uma mulher de 28 anos suspeita de ter abandonado a filha de cinco em uma rua no Bairro Novo Mundo, em Curitiba, deve ser indiciada pelos crimes de abandono de incapaz e maus tratos, segundo o delegado da Polícia Civil José Barreiro.
Imagens de uma câmera de segurança mostram a criança correndo atrás do carro, conduzido pela mãe. O caso ocorreu na quarta-feira (31). Assista ao vídeo.
 
"Foi uma situação que chamou a atenção. Uma criança pequena, de cinco anos de idade, gritando e pedindo pela mãe, que estava com o vidro do carro fechado e expondo a criança a perigo", contou o delegado.
 
Ainda conforme José Barreiro, em outro vídeo que circulou pelas redes sociais, a criança aparece chorando e gritando pela mãe e chega a passar na frente do veículo, mas a mãe estava com os vidros fechados.

"Ela nunca abandonou sua filha"
 
Em nota, os advogados da mãe Igor Ogar e Dyogo Cardoso disseram que ela nunca abandonou sua filha e nunca a abandonará.
 
"O escárnio público expôs não só a mãe, como a filha menor de idade, razões pelas quais neste momento as partes estão buscando minimizar as consequências da exposição do malfadado vídeo em redes sociais. Ao passo que as autoridades legalmente constituídas estão apurando os fatos desempenhando seu papel regular, a defesa se coloca inteiramente à disposição para esclarecer todos os fatos que estão sendo apurados. Primando a todo tempo pela preservação da menor e da unidade familiar que encontra-se abalada por tal fato isolado", declararam os advogados.
 
Mãe pode perder a guarda 
 
O delegado José Barreiro declarou ao site G1 que abriu um inquérito para investigar o caso e que a mulher foi intimada a se apresentar ainda na sexta-feira (2). Segundo ele, ela também pode perder a guarda da criança.
 
"O próprio pai da vítima já esteve aqui, foi ouvido, prestou o seu depoimento, pediu a medida protetiva e disse que vai tentar a guarda da menina", acrescentou o delegado.
 
A criança, que está sob os cuidados da mãe, também deve ser ouvida pelo setor de psicologia do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria), segundo o delegado Barreiro. O caso dividiu opiniões nas redes sociais. Confira vídeo gravado por uma moradora e divulgado pelo portal "Estadão". 
 

De acordo o site Banda B, Barreto diz que a versão dada pela mulher a uma emissora de TV, de que ela não teria visto a criança, é questionável. “A declaração não convence. Qualquer um que viu o vídeo consegue perceber que a filha passa na frente do carro, gritando e apontando. Se uma pessoa que estava dentro de casa saiu para filmar porque ouviu tudo, como que a mãe não vai enxergar a criança?”, disse ele em entrevista coletiva realizada na tarde desta sexta-feira (2).

G1 Paraná

 
Publicada em 03 de Fevereiro de 2018 ás 18:06:48
Outras Notícias de Polícia
02 de Fevereiro de 2018 ás 18:55:27
31 de Janeiro de 2018 ás 10:01:06
30 de Janeiro de 2018 ás 12:07:32
15 de Janeiro de 2018 ás 12:30:14
29 de Dezembro de 2017 ás 10:31:15
Big Brother Brasil
Cidades
Música
Empregos e Concursos
Economia
Carnaval
Natal
Copa 2014
Olimpíadas 2016
Mundo Rock
São João da Bahia
Radar
Mundo Gospel
Quentura
Jogos BK2
Cursos 24 horas
 
Jogue Grátis
Cursos 24 horas
Compras On-line